quarta-feira, setembro 24, 2008

Dívidas...

Até antes da vinda a Angola do Primeiro Ministro portugês , José Sócrates, que deixou mais mil milhões de Euros, a dívida do nosso País tinha aumentado 18%em 2007, face ao ano anterior, para 1,78 mil milhões de Dólares, revelaram os dados do Ministério das Finanças Portugês,citados pela "Lusa".
A dívida deMoçambique (USD 393 Milhões), que será cancelada(????) progressivamente até 2025, na sequência de um acordo bilateral , representa mais de um quinto (22%) do stock da dívida oficial dos Países Africanos de Lingua Oficial Portuguesa ( Palop) a Portugal.O montante total inclui créditos directos do Estado Português (USD 1.334 Milhões de Dólares/euros 841 Milhões) e créditos garantidos pelo País (USD 450 Milhões).
O último relatório do Banco de Portugal sobre as relações comerciais e económicas entre o País e os Palop indicava que no final de 2006, a dívida dos cinco Países Africanos ascendia a USD 1.517 Milhões, mais 18% do que os dados mais recentes. A tendência de escalada acentuou-se em relação ao registado de 2005 para 2006, quando a subida foi de 12,3%.
O perdão de dívida (???), articulado com decisões da comunidade internacional de credores, será concedido a Moçambique <>,segundo o acordo assinado entre os dois Países.
A maior fatia da divída dos Palop a Portugal é a de Angola, USD 698 Milhões de Dólares, que no âmbito de acordo bilateral assinado em 2004 serão pagos a partir de 2009 (Cinco Anos de carência), ao longo de 30 anos, com taxa de juro de (eheheheh) 1%.

" A situação financeira de de parceria entre Portugal e Angola está em ritmo de cruzeiro e os nossos dois governos fizeram aquilo que têem de fazer, que é dar o necessário enquadramento às iniciativas que têm divulgado e sobretudo ao programa de reconstrucção de infra-estruturas que Angola tem estado a empreender"


Semanário Angolense
Graça Campos

Etiquetas: , , ,

0 Comentários:

Enviar um comentário

<< Home


hits: